top of page

Portal de Notícias

Conheça o Programa Integrador da Humanitas


Prédio da faculdade Humanitas em um dia ensolarado

Um dos diferenciais do curso de Medicina da Humanitas é o Programa Integrador (PI). Inserido em um amplo projeto de parceria entre a faculdade e a Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Secretaria de Saúde, ele tem como objetivo contribuir para a formação integrada de profissionais da saúde e para a melhoria do Sistema de Saúde da cidade.


O PI é um dos componentes centrais da estrutura curricular do curso de Medicina, visando à indissociabilidade entre teoria e prática; à integração da faculdade ao meio social, local e regional; bem como à integração entre esses cursos e a construção da identidade profissional.


Eixos do Programa Integrador

O processo de ensino-aprendizagem do PI da Humanitas é estruturado na relação entre os eixos Individual, Saúde Coletiva, Processo de Trabalho e da Educação em Saúde.


Os eixos do PI são desenvolvidos em todos os momentos. O que diferencia cada um é a complexidade decorrente das sucessivas aproximações do estudante com os cenários de prática, com os problemas e situações vivenciadas, o conhecimento construído, o conhecimento da realidade das famílias e comunidades.


As disciplinas dos cursos, assim como a experiência de vida, darão suporte cognitivo, afetivo e psicomotor aos estudantes durante o processo ensino-aprendizagem.


O eixo da Saúde Individual leva em consideração a abordagem clínica contextualizada nos aspectos biopsicossocial, a relação profissional de saúde/usuário orientada pela escuta qualificada, pelo estabelecimento do vínculo e da responsabilização.


O da Saúde Coletiva considera as necessidades de saúde e as multideterminações na perspectiva do contexto indivíduo/família/comunidade, ordenando as práticas profissionais pelas necessidades de saúde de uma determinada população.


O eixo do Processo de Trabalho em Saúde visa a desenvolver competências profissionais, orientadas por reflexões vivenciadas no cenário do processo de trabalho das equipes de saúde na atenção primária e em sua relação com o Sistema de Saúde.


E o da Educação em Saúde/Educação Ambiental busca desenvolver práticas educativas, visando às necessidades de saúde, soluções para diminuir a vulnerabilidade social e ambiental na perspectiva do autocuidado e da instalação de hábitos saudáveis.


Objetivos do Programa Integrador

Por constituir-se como um dos eixos básicos dos Projetos Pedagógicos dos Cursos (PPC), o PI possibilita a articulação entre o ensino, a pesquisa e a extensão.


Entre os objetivos do programa, estão:

  • Inserir estudantes nos contextos reais de aprendizagem, por meio de ações em diferentes comunidades da cidade de São José dos Campos;

  • Integrar o estudante aos serviços de saúde no contexto do SUS;

  • Desenvolver nos estudantes a capacidade de observar, intervindo e registrando o meio sociocultural, as condições de vida, vínculo, acesso e autonomia das populações bem como o desenvolvimento de um olhar relacional entre saúde e meio ambiente;

  • Identificar as características da população, compreendendo que a sociedade é formada por pessoas que pertencem a grupos étnicos-sociais distintos que possuem cultura e história próprias, suas demandas, e a elas responder adequadamente;

  • Acompanhar e realizar ações relacionadas à atenção primária à saúde por meio da atuação em equipes multiprofissionais.


O PI é desenvolvido a partir das necessidades de saúde, captadas por meio da escuta das pessoas que buscam cuidados em saúde, tomando as necessidades como o centro das intervenções e práticas.


Programa Integrador Humanitas em 2022

No ano passado, as atividades do PI beneficiaram 5.858 pessoas em São José dos Campos. No primeiro semestre, 1.420 munícipes do distrito de Eugênio de Melo e dos bairros Campos de São José, Putim e São Judas Tadeu tiveram apoio em atividades que abordaram os temas acuidade visual, sexualidade, saúde da mulher, hipertensão, alimentação saudável, saúde mental, doação de medula óssea, alcoolismo, abuso sexual e vacinação.


No segundo semestre, os temas foram saúde mental, higiene geral, acuidade visual, saúde da criança e adolescente, HAS/DIA, violência, hábitos saudáveis, saúde do homem, IST´s, saúde da mulher, vacinação, práticas corporais e gravidez na adolescência, com a participação de 4.438 moradores do distrito de Eugênio de Melo e dos bairros Interlagos, Campos de São José, Putim, São Judas Tadeu, Cajurú e Buquirinha.


Um dos destaques foi a participação dos alunos da faculdade na campanha de multivacinação nas UBS Jardim Satélite, Alto da Ponte, Jardim Paulista e Campos de São José, com a aplicação de 1.106 doses.

25 visualizações

Comments


bottom of page