top of page

Portal de Notícias

A preparação para o exame de residência médica - Estratégias para se destacar no processo seletivo


Médicos no corredor de um hospital conversando com tablet na mão

A residência médica é um período em que o médico aprofunda seus estudos em alguma área específica. Apesar de não ser obrigatória, é bastante concorrida, pois é considerada a formação mais valiosa para os médicos após a graduação. Por esse motivo, é importante estabelecer estratégias para se destacar no processo seletivo durante a preparação para o exame.


Os programas de residência médica são credenciados pela Comissão Nacional  de Residência Médica (CNRM) e contam com a orientação de especialistas de cada área, profissionais com experiência e qualificação, que são referências em suas especialidades.


Durante a residência, os novos médicos acompanham situações que farão parte de sua rotina profissional, convivendo com os orientadores e as equipes das instituições de saúde. Ao terminá-la, o médico sai com o título de especialista.


Como é a seleção para a residência médica


O processo seletivo costuma ter três etapas. A primeira é teórica, com a prova escrita, que reúne assuntos como Clínica Médica, Cirurgia, Pediatria, Ginecologia e Medicina Preventiva. Essa prova objetiva, com questões de múltipla escolha, tem maior peso na nota final.


Na fase seguinte, os candidatos com melhores notas são chamados para a prova prática, na qual mostram seus conhecimentos sobre procedimentos em casos clínicos, sob avaliação de uma banca examinadora. A última etapa é a análise curricular e entrevista, que tem menor peso na avaliação final.


Como se preparar para o exame da residência


Para chegar ao momento da seleção bem preparado, vale atenção a algumas dicas:


  • Invista no planejamento, com a definição de horários e matérias que exigem maior atenção, estabelecendo metas realistas;

  • Reserve um local adequado para as jornadas de estudo, com silêncio, boa iluminação e condições favoráveis de ergonomia;

  • Organize os livros e apostilas para ter tudo à mão sempre que precisar;

  • Deixe o smartphone e outras distrações de lado durante os períodos de estudo;

  • Confira as provas de anos anteriores realizadas para vagas nos hospitais do seu interesse;

  • Foque em temas que considera mais difíceis;

  • Alimente-se bem, com uma dieta saudável e bastante hidratação;

  • Tenha boas noites de sono para recuperar as energias e facilitar a apreensão da grande quantidade de conteúdo das matérias;

  • Respeite seus limites; quando bater o cansaço, faça pausas, alongamentos e, se for o caso, deixe para retomar os estudos mais tarde, ou no dia seguinte, pois se não estiver alerta, vai aproveitar pouco as leituras;

  • Reserve momentos para o lazer, encontrar amigos e familiares; é preciso espairecer e esquecer os estudos momentaneamente;

  • Dedique um tempo para a prática de exercícios físicos; eles te darão mais energia e boas sensações, graças à liberação de hormônios e neurotransmissores como serotonina, dopamina e endorfina;

  • Não tenha vergonha de pedir ajuda para colegas e professores se tiver dúvidas, mas evite comparações com outros estudantes; cada um tem seu ritmo de aprendizado;

  • Tenha foco e mantenha a confiança, acreditando no seu potencial e valorizando tudo que já conquistou durante a graduação.


Gostou das dicas? Então, não perca tempo e comece a preparação para o exame de residência médica. Você pode conferir outros textos com dicas sobre estudos no nosso blog.

1 visualização0 comentário

Comments


bottom of page