Portal de Notícias

5 dicas de planejamento de estudo para começar bem o ano


Com o fim do ano chegando e as férias à vista, é comum que o planejamento de estudos dê uma diminuída, afinal, é tempo de celebrar e descansar após muito esforço e desafios ao longo do semestre.


Mas e depois de tudo isso? Com a volta às aulas e mais um ano letivo se aproximando, é bom já começar a se preparar para voltar à rotina e aos hábitos de estudo o quanto antes, pois assim você não sentirá tanto para se readaptar ao dia a dia da faculdade e já poderá recapitular tudo que foi aprendido anteriormente.


Não sabe por onde começar? Nós te ajudamos! Aqui vão 5 dicas de planejamento de estudo para você iniciar bem o ano.


1 - Defina horários


Assim como tudo na vida, estudar também precisa de um tempo certo na sua rotina. Para evitar desgastes e cansaço, dois fatores que acabarão te fazendo desistir e não se adaptar ao planejamento de estudo, você deve definir cronogramas para seu aprendizado.


Separe de 3 a 4 horas por dia e defina horários para começar e terminar. Dessa forma, você criará um hábito e acostumará sua mente a trabalhar sempre. Lembre-se que o nosso corpo adora criar padrões para o seu funcionamento, então, ter horários definidos para o planejamento de estudo é essencial para o sucesso da iniciativa.


Também é importante ressaltar que mesmo se você tiver 10 horas livres no seu dia ou até mais, respeite seus limites. É melhor estudar menos com qualidade do que se esgotar de uma vez só e não cumprir os objetivos.


2 - Crie metas


Se você não sabe para onde está indo, como vai chegar lá, não é mesmo? Por isso, é muito importante criar metas para o seu planejamento de estudo, sempre definindo até onde você quer avançar com o conteúdo naquele dia.


Leve em conta os trabalhos e tarefas da faculdade e as leituras que deve fazer e separe diariamente as disciplinas que precisa estudar. Dessa forma, você conseguirá mensurar seus resultados e perceber o seu avanço, o que serve de grande estímulo para continuar em frente.

Suas metas podem ser algo como:

  • Ler 1 artigo por dia;

  • Terminar 1 livro por semana;

  • Concluir 10 exercícios por hora;

  • Revisar 3 matérias por dia;

É sempre importante saber quais são suas necessidades para encontrar meios de atendê-las.


3 - Busque estímulos positivos


O que te deixa relaxado e confortável na hora de estudar? O que te inspira? Como otimizar seu planejamento de estudo e torná-lo mais agradável? Essas são algumas perguntas fundamentais para você descobrir quais são seus estímulos positivos!


Um estímulo positivo é algo que vai tornar seu momento de estudo mais fácil e divertido, potencializando seus resultados e a absorção dos conhecimentos adquiridos. Por meio de bons hábitos, você pode ter mais foco e concentração, além de inspirar mais vontade para continuar aprendendo.


Ouça músicas, principalmente as instrumentais, mantenha uma garrafa de água sempre perto, leia livros que te motivem... Você decide! O importante é transformar esse hábito em um momento mais agradável e divertido.


4 - Use a tecnologia a seu favor


Atualmente, estamos sempre conectados. Seja pelo celular, notebook ou tablet, a tecnologia nos persegue por todos os lados e, muitas vezes, pode ser uma grande distração na hora de estudar. Então, que tal usá-la a seu favor?


Além de entretenimento e diversão, a internet também está cheia de conteúdos interativos e muito relevantes para o seu planejamento de estudo. O YouTube, por exemplo, possui uma gama de videoaulas muito interessantes para qualquer área do conhecimento.


Além disso, você também pode ter contato com profissionais e professores para ficar por dentro de todas as novidades e se aprofundar no assunto que está estudando.


Só é importante lembrar de evitar se distrair durante os horários de estudo. Desligue as notificações e evite qualquer aplicativo ou site que possam ‘quebrar’ seu fluxo de aprendizado.


5 - Faça pausas no planejamento de estudo


Ninguém é de ferro, certo? Por isso, você também deve parar de vez em quando.


Dentro dos seus horários, crie um cronograma de intervalos no seu planejamento de estudo para que você possa ‘esfriar a cabeça’ e recuperar as energias antes de voltar ao trabalho.


A verdade é que ficar com a cabeça cheia demais pode te atrapalhar e fazer com que o estudo não renda o tanto que poderia render. Além disso, o conteúdo pode não ser assimilado corretamente caso você não esteja focado e bem equilibrado no momento.


Por isso, lembre-se sempre de respirar, se alongar e dar uma volta para espairecer antes de começar a estudar novamente.


Caso esteja se preparando para o vestibular, você pode também conferir algumas dicas muito importantes para a reta final dos estudos. Além disso, você também pode conhecer mais sobre a nossa prova.


Aproveite e nos siga nas redes sociais.



26 visualizações

Posts recentes

Ver tudo